João Sousa perto do máximo de carreira

Por admin - 11 Abril, 2016

ATP

Semana muito positiva para o ténis masculino argentino, uma vez que foi a primeira vez desde 2009 que houve um duplo triunfo em torneios ATP para o “país das pampas”: Federico Delbonis conquistou Marrequexe e Juan Monaco prevaleceu em Houston.

Como é de esperar, estes resultados refletem-se na hierarquia mundial masculina. Delbonis, de 25 anos, sobe hoje do 47º para o 36º posto, ao passo que “Pico” escala estupendas sessenta e duas posições e ocupa agora o 86º lugar.

De resto, o top10 mantém-se inalterado e Gilles Simon, que estará presente na edição deste ano do Millennium Estoril Open, troca de posição com Kevin Anderson.

1. (1) Novak Djokovic (Sérvia), 16.540 pontos
2. (2) Andy Murray (Grã-Bretanha), 7.815 pontos
3. (3) Roger Federer (Suíça), 7.695 pontos
4. (4) Stan Wawrinka (Suíça), 6.370 pontos
5. (5) Rafael Nadal (Espanha), 4.955 pontos
6. (6) Kei Nishikori (Japão), 4.490 pontos
7. (7) Tomas Berdych (Rep. Checa), 3.630 pontos
8. (8) David Ferrer (Espanha), 3.370 pontos
9. (9) Jo-Wilfried Tsonga (França), 3.130 pontos
10. (10) Richard Gasquet (França), 2.840 pontos

18. (19) Gilles Simon (França), 1.900 pontos
36. (47) Federico Delbonis (Argentina), 1.150 pontos
86. (148) Juan Monaco (Argentina), 640 pontos


WTA

Nas senhoras, o destaque vai de igual modo para as vitoriosas da semana, Sloane Stephens (Charleston) e Dominika Cibulkova (Katowice). A norte-americana, com a vitória no seu país Natal, põe-se às portas de regressar ao top20 mundial, ao passo que a antiga top10 eslovaca também triunfou na sua “zona” – Europa de Leste – e passa do 53º para o 38º posto.

No topo, nota ainda para o regresso de Agnieszka Radwanksa à vice-liderança, ela que tem oscilado com Angelique Kerber nas últimas três semanas na “luta” por esse estatuto, e as trinta e quatro posições escaladas pela finalista de Charleston, Elena Vesnina.

1. (1) Serena Williams (EUA), 8.625 pontos
2. (3) Agnieszka Radwanska (Polónia), 5.775 pontos
3. (2) Angelique Kerber (Alemanha), 5.740 pontos
4. (4) Garbiñe Muguruza (Espanha), 4.831 pontos
5. (5) Victoria Azarenka (Bielorrússia), 4.530 pontos
6. (6) Simona Halep (Roménia), 3.785 pontos
7. (7) Petra Kvitova (Rep. Checa), 3.763 pontos
8. (8) Roberta Vinci (Itália), 3.595 pontos
9. (9) Maria Sharapova (Rússia), 3.432 pontos
10. (10) Belinda Bencic (Suíça), 3.340 pontos

21. (25) Sloane Stephens (EUA), 2.310 pontos
38. (53) Dominika Cibulkova (Eslováquia), 1.301 pontos
51. (85) Elena Vesnina (Rússia), 1.104 pontos


Portugueses

O melhor tenista português da história, João Sousa, é protagonista de uma subida desde o 36º para o 34º lugar, apenas um lugar abaixo da sua melhor classificação de sempre. Destaque ainda para o retorno de outro Sousa, este de primeiro nome Pedro, aos quatrocentos primeiros, numa atualização em que Frederico Silva foi o único dos lusos presentes na primeira metade do top1000 a baixar o seu estatuto.

34. (36) João Sousa, 1.181 pontos
118. (122) Gastão Elias, 506 pontos
257. (253) Frederico Ferreira Silva, 207 pontos
391. (405) Pedro Sousa, 112 pontos
411. (414) Romain Barbosa, 106 pontos
464. (465) João Domingues, 82 pontos
521. (518) Gonçalo Oliveira, 68 pontos
541. (547) André Gaspar Murta, 64 pontos
569. (519) Rui Machado, 58 pontos
728. (739) Fred Gil, 33 pontos
1036. (1065) Vasco Mensurado, 11 pontos
1047. (1002) Nuno Deus, 11 pontos
1143. (1101) Artur Completo, 8 pontos
1172. (1175) Tiago Cação, 7 pontos
1255. (1196) Gonçalo Falcão, 6 pontos
1277. (1275) Nuno Borges, 5 pontos
1283. (1275) Francisco Cabral, 5 pontos
1572. (1578) Leonardo Tavares, 2 pontos
1576. (1582) Gonçalo Pereira, 2 pontos
1641. (1645) Henrique Sousa, 2 pontos
1668. (1673) José Ricardo Nunes, 2 pontos
1671. (1676) Diogo Lourenço, 2 pontos
1671. (1676) Bruno Pedrosa, 2 pontos
1705. (2196) Felipe Cunha e Silva, 2 pontos
1868. (1872) João Marques, 1 ponto
2141. (2147) Miguel Deus, 1 ponto
2141. (2147) Duarte Vale, 1 ponto
2189. (2195) Bernardo Saraiva, 1 ponto


Portuguesas
Inês Murta é a única portuguesa a descer esta semana, com a número um nacional Michelle Larcher de Brito a protagonizar a maior subida entre as lusas, de nove posições.
218. (227) Michelle Larcher de Brito, 225 pontos
763. (753) Inês Murta, 21 pontos
891. (894) Joana Valle Costa, 13 pontos
923. (928) Maria João Koehler, 12 pontos
1172. (1176) Mafalda Fernandes, 5 pontos
1278. (1280) Maria Palhoto, 3 pontos