Rune volta onde foi campeão (júnior) em 2019 e arrasa Shapovalov em Roland Garros

Por Pedro Gonçalo Pinto - Maio 24, 2022

Há três anos, Holger Rune sagrou-se campeão júnior em Roland Garros. Agora, como número 40 do ranking ATP, somou a sua primeira vitória da carreira em quadros principais de torneios do Grand Slam, ao vulgarizar Denis Shapovalov, atual 15.º da hierarquia mundial masculina.

O dinamarquês de 19 anos soube aproveitar as suas oportunidades e precisou de sensivelmente duas horas para despachar Shapovalov, com os parciais 6-3, 6-1 e 7-6(4). E a verdade é que tudo até podia ter sido bem mais simples, já que Rune serviu para fechar a 5-4 e até desperdiçou um match point antes de ser quebrado pela primeira vez no encontro.

Verdade seja dita, também podia ter sido mais complicado, já que Shapovalov esteve perto de aproveitar os nervos de Rune e teve um set point a 6-5, apenas para não o aproveitar. Contas feitas, os 52 erros não forçados — para apenas 27 winners — do canadiano ajudaram a escrever a história de um duelo que Rune deixa para trás para se concentrar já em Pedro Martínez ou Henri Laaksonen.

Ainda assim, o próximo foco de Rune será mesmo a primeira ronda de pares, onde vai jogar ao lado de Francisco Cabral contra os franceses Richard Gasquet e Jo-Wilfried Tsonga.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.