Nuno Borges começa bem, mas cede em três sets e falha ‘quartos’ em Espanha

Por Tiago Ferraz - Novembro 19, 2020
nuno-borges

O tenista português e campeão nacional Nuno Borges foi eliminado, esta quinta-feira, e falhou o seu lugar nos quartos de final do ITF de Vilhena, em Alicante, Espanha, depois de perder com o tenista da casa Pol Martin Tiffon por 6-1, 2-6 e 3-6.

O encontro começou com grande ascendente por parte do tenista maiato, que esteve muito sólido na sua pancada de serviço e com dois breaks consecutivos, nos quarto e sexto jogos, teve bola na mão para fechar o set inicial a seu favor com um resultado de 6-1 ao fim de apenas 34 minutos.

Na segunda partida o português, 396.º ATP, viu o seu adversário fechar o jogo inicial e logo a seguir teve que enfrentar três pontos de break a 0-40: nesta fase Nuno Borges foi à procura do seu melhor ténis, mas acabou mesmo por sofrer o break e viu o adversário avançar para o 2-0.

Depois disso o tenista espanhol tomou conta das operações do parcial e venceu todos os seus jogos de serviço, confirmando a vitória no set e no encontro com um resultado de 6-2 depois de mais um break.

Na terceira e decisiva partida o equilíbrio foi uma evidência uma vez que os dois tenistas chegaram empatados ao final do quarto jogo sem registo de breaks.

Ainda assim Nuno Borges sofreu o break no sexto jogo e viu o adversário geriu o parcial para vencer o set e o encontro.

Na próxima ronda Martin Tiffon vai defrontar o vencedor do encontro entre os espanhóis Nicolas Álvarez Varona e Javier Barranco.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.