Swiatek sai do buraco, evita escândalo e está nos ‘quartos’ do US Open pela primeira vez

Por José Morgado - Setembro 5, 2022

Iga Swiatek esteve absolutamente irreconhecível durante pouco mais de uma hora e pareceu estar a encaminhar-se de fazer as malas no US Open. No outro lado da rede estava uma Jule Niemeier, número 108 do ranking WTA — mas quarto-finalista de Wimbledon, onde não se atribuíram pontos –, que estava a aproveitar para preparar um autêntico escândalo em Flushing Meadows. Mas a número um do Mundo acordou a tempo.

A polaca saiu do buraco de um set e um break de desvantagem para vencer com os parciais 2-6, 6-4 e 6-0, fechando em grande estilo, a mostrar finalmente o ténis que lhe valeu uma série de 37 vitórias consecutivas. Mas até lá chegar houve muito sofrimento, muitos erros não forçados e cinco quebras de serviço sofridas, compensando com capacidade de luta e adaptação a um dia que estava a ser terrível.

Contas feitas, apurou-se para os quartos-de-final do US Open pela primeira vez na carreira, quebrando uma barreira no Grand Slam norte-americano. Agora, segue-se a norte-americana Jessica Pegula, número oito do Mundo e uma das tenistas mais fiáveis da temporada. Esta segunda-feira, a número oito do Mundo derrotou nos ‘oitavos’ a checa Petra Kvitova, 21.ª WTA e recentemente em forma, por 6-3 e 6-2, num encontro em que a antiga duas vezes campeã de Wimbledon passou completamente ao lado da ocasião. A número um dos Estados Unidos está nos ‘quartos’ do US Open pela primeira vez, mas já são os seus terceiros em Majors esta época…

Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7. Email: josemorgado@bolamarela.pt