Raducanu: «Não mudei. Continuo a ser a mesma pessoa»

Por José Morgado - Novembro 30, 2021
raducanu

Emma Raducanu, jovem de 19 anos que conquistou o US Open em 2021, acredita que poderá voltar a lutar pelos grandes títulos em 2022, já com uma nova equipa técnica, liderada pelo experiente técnico alemão Torben Beltz, que trabalhou durante muitos anos com a compatriota Angelique Kerber.

“O Torben é uma pessoa super positiva, que transmite uma energia muito boa para a nossa equipa. Quando estou com ele, não dá para evitar sentir a sua alegria, ele é quase contagioso. É ótimo ter alguém assim na minha equipa, alguém que nos deixa sempre de bom humor. Estou ansiosa para começar a trabalhar com ele: agora terei a oportunidade de conhecê-lo melhor nesta pré-temporada, vamos ver como tudo vai correr”, confessou em declarações à imprensa britânica, à margem de um torneio de veteranos em Londres no qual fez uma participação especial.

Raducanu assegura que nunca deixou de ser quem é mesmo depois de tudo o que de novo se tem passado na sua vida:Eu continuo a fazer atualmente todas as coisas que já fazia antes. Às vezes viajo de comboio, faço as mesmas viagens de antes. Sinto que sou exatamente a mesma pessoa que era, realizo as mesmas rotinas. Não sei por que razão todas as coisas que me levaram a ser quem sou e a ganhar o US Open deveriam agora passar a ser diferentes. Vou continuar a ser a mesma.

  • Categorias:
  • WTA
José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.