Nuno Borges acelera e apura-se em Antalya para a segunda final Challenger da carreira

Por Bola Amarela - Dezembro 5, 2021
borges

A chuva limpou a jornada de sábado em Antalya, mas não tirou de maneira alguma o ímpeto a Nuno Borges. O português voltou com o pé no acelerador ao court neste domingo e não precisou de muito tempo para carimbar o lugar na sua segunda final Challenger da carreira.

A jogar na terra batida turca, o número 253 do ranking ATP manteve a semana perfeita sem sets perdidos até agora, ao bater o espanhol Eduardo Esteve Lobato (336.º), com os parciais 6-3 e 6-3, ao cabo de 1h15. Foi mais uma exibição muito consistente do português, que esteve sempre no comando das operações e reagiu sempre bem às tentativas de recuperação do espanhol.

Depois de perder a final do Oeiras Open 2, Nuno Borges espreita agora o seu primeiro título Challenger da carreira, isto mesmo antes de voltar a Portugal para disputar os ‘seus’ dois Challengers na Maia. Pela frente terá o vencedor do duelo entre o britânico Ryan Peniston (284.º) e o espanhol Javier Barranco Cosano (305.º) num encontro que se joga ainda este domingo, não antes das 10h30, hora de Portugal continental.

Em termos de ranking, diga-se que Borges já tem um salto garantido para o 238.º posto da hierarquia mundial masculina, sendo que o título o coloca na 228.ª posição, curiosamente um lugar – e um ponto! – atrás do compatriota Gastão Elias.

Bola Amarela