Nadal revela as finais que o marcaram mais que a do US Open frente a Medvedev

Por Nuno Chaves - 11 Setembro, 2019

Rafa Nadal conquistou no passado domingo o Open dos Estados Unidos pela quarta vez na carreira, após uma batalha épica contra Daniil Medvedev de praticamente cinco horas e onde chegou a deixar uma vantagem de 2-0 em sets e break de vantagem na terceira partida.

O encontro foi para mais tarde recordar, ainda assim, o número dois mundial tem outras grandes finais na memória e que considera mais emblemáticas. “Já tinha vencido três US Open antes. Quando ganhei Wimbledon em 2008 não tinha nenhum. Australian Open em 2009 com o Federer também foi a minha primeira ali – até agora foi a única – e foi depois de umas meias-finais dramáticas contra o Verdasco, aquele jogo foi especial”, recordou El Toro.

“A final que perdi com o Djokovic na Austrália, em 2012, creio que também foi mais dramática que a de domingo. Mas esta final com o Medvedev está entre as minhas primeiras, também pela forma como se desenrolou o jogo”, atirou à RNE El Larguero de la SER.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.