Medvedev discorda de Thiem e Nadal: «Eu gosto das bolas, para mim são boas»

Por José Morgado - Setembro 25, 2020
medvedev

Daniil Medvedev regressa esta semana a Roland Garros numa série de cinco derrotas consecutivas em terra batida, que inclui um desaire na primeira ronda do Grand Slam francês, no ano passado, diante de Pierre Hugues Herbert. O russo de 24 anos acredita que as condições de jogo difíceis, que prometem ser o pesadelo de alguns dos maiores especialistas da superfície, até podem beneficiá-lo.

“O ténis é engraçado: se um jogador diz que não gosta das condições, outro provavelmente vai dizer que gosta. Por exemplo, eu gosto das bolas, para mim são boas. É difícil falar de bolas sem jogar o primeiro encontro, mas para já as sensações são muito boas”, assumiu em conferência de imprensa.

O russo considera que o facto de estar frio em Paris também é bom para ele. “Em terra a temperatura mais fria ajuda-me, porque as bolas não saltam nem voam tanto. O meu ténis mais chapado vai resultar melhor neste superfície do que aquilo que é habitual. Para mim é uma oportunidade e uma vantagem, mas só terei garantias depois do primeiro encontro”.

Medvedev vai defrontar o húngaro Marton Fucsovics na primeira ronda, um duelo que promete ser bastante complicado para o russo.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.