McEnroe explica por que razão Federer nunca deve ser subestimado

Por José Morgado - Março 6, 2020
federer-mcenroe

John McEnroe, antigo número um mundial e um dos jogadores mais marcantes da história do ténis, ajudou esta semana na apresentação de mais uma edição da Laver Cup, que em 2020 se vai disputar em Boston, nos Estados Unidos. O ex-líder ATP vai ser de novo o capitão da equipa do Mundo, que procura a sua primeira vitória depois de três triunfos da Europa.

“Federer é diferente. Em 2016, eu treinava o Milos Raonic quando o Roger perdeu com ele nas meias-finais de Wimbledon. Ele estava em evidentes dificuldades físicas e acabou por ser operado semanas depois e parar durante seis meses. Quando toda a gente pensava que ele estava acabado, ele voltou em janeiro de 2017 e ganhou o Australian Open com três triunfos em encontros de três sets. Essa é uma das razões pelas quais nunca se deve subestimar o Roger Federer”, confessou o norte-americano, em conferência de imprensa.

Federer, de 38 anos, foi operado ao joelho direito no mês passado e volta somente em junho, a tempo da temporada de relva.

 

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.