João Sousa: «Não temos um especialista de pares, tenho de jogar duas vezes num dia»

Por Bola Amarela - Setembro 14, 2019
João-Sousa
João-Sousa

João Sousa, número um português, participou este fim-de-semana nos dois pontos ganhos pela seleção portuguesa diante da Bielorrússia, em Minsk, mas acabou por perder o seu segundo encontro de singulares diante do número um do país rival, Sousa jogou o seu singulares meia-hora depois de triunfar no par e falou dessa situação em conferência de imprensa.

“Em Portugal não temos um especialista de pares que se possa dedicar apenas a essa variante na Taça Davis, como vocês têm aqui (Vasilevski). Por isso eu tive de jogar dois encontros seguidos no mesmo dia. Não é o ideal, pois a forma como vemos o campo nos pares não tem nada a ver com os singulares. É complicada a adaptação. Mas tem sido assim nos últimos anos, não é novidade para mim”, assumiu no final.

Recorde-se que João Sousa joga singulares e pares na Davis desde 2013, mas até 2017 havia uma jornada exclusivamente reservada para a variante de pares, coisa que agora não acontece. Desde 2018, Sousa tem jogado duas vezes na segunda jornada de cada eliminatória.

O português falou ainda de algumas reações de frustração demonstradas durante o encontro. “Sempre que jogo mal fico frustrado. É normal”, assumiu o português, que jogou na Bielorrússia a sua 27.ª eliminatória da Taça Davis.

Bola Amarela