João Sousa melhora, mas é eliminado (de vez) no Masters de Roma

Por José Morgado - Setembro 15, 2020
Sousa

João Sousa, número um nacional e 74.º colocado do ranking ATP, foi eliminado esta terça-feira na primeira ronda do quadro principal do ATP Masters 1000 de Roma, no qual entrou como lucky loser, depois de ter perdido na terceira e última eliminatória da fase de qualificação na segunda-feira, diante do norte-americano Tennys Sandgren. O vimaranense sofreu uma segunda derrota seguida, apesar de ter jogado muito melhor do que na véspera.

O vimaranense de 31 anos perdeu com o australiano John Millman, número 43 do ranking ATP, por 7-5 e 7-6(2), num encontro resolvido em 2h05 e resolvido em meia dúzia de detalhes. Sousa exibiu-se a muito melhor nível do que em qualquer um dos encontros anteriores na capital italiana, mas desperdiçou oportunidades importantes em ambos os sets, especialmente no segundo, em que liderou por 4-2 e serviu para fechar a segunda partida, a 5-4. O australiano, que nem adora terra batida, mostrou-se particularmente impressionante nos momentos importantes, batendo muito melhor a sua pancada de esquerda do que é habitual.

Sousa segue agora para o ATP 500 de Hamburgo, na próxima semana, antes de competir em Roland Garros a partir de 27 de setembro.

 

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.