Hurkacz evita desaire que parecia certo e bate Tsitsipas rumo às ‘meias’

Por Bola Amarela - Abril 1, 2021
hurkacz

Enorme surpresa em Miami! Hubert Hurkacz parecia com as malas feitas no arranque do segundo set, mas operou uma sensacional reviravolta e aproveitou o desperdício de Stefanos Tsitsipas para garantir as primeiras meias-finais da carreira num Masters 1000. O polaco, número 37 do ranking mundial, alcançou um autêntico milagre num encontro que teve alguns momentos tensos e até um ‘point penalty’ para o grego.

Contas feitas, Hurkacz bateu o número 5 do ranking ATP com os parciais 2-6, 6-3 e 6-4, mesmo depois de ter estado a perder por 6-2, 2-0 e 15-40, enquanto servia. Até esse ponto, Tsitsipas estava a realizar uma exibição a roçar a perfeição, sendo que ainda voltou a ter dois pontos de break a 3-3. Foi aí que tudo mudou definitivamente, com Hurkacz a subir de nível e não olhar mais para trás.

O arranque do terceiro parcial ainda ficou marcado por uma polémica entre o grego e árbitro Greg Allensworth. Tsitsipas estava a demorar para arrancar o terceiro set e deixou logo um aviso. “Se me deres uma violação por tempo, quero o supervisor em court”, começo por dizer. A resposta foi rápida. “Violação por tempo, Tsitsipas. Supervisor em campo, por favor. Point penalty”, atirou o árbitro de cadeira. O helénico ainda equilibrou até ao 2-2, mas sofreu o break, teve uma hipótese para fazer o contra-break que não aproveitou e acabou mesmo por perder.

Para Hurkacz, trata-se de uma semana de sonho, uma vez que apenas tinha estado nos quartos-de-final de um Masters 1000 numa ocasião, na altura em Indian Wells, em 2019, perdendo com Roger Federer. Agora, já nas meias-finais, fica à espera do duelo entre Andrey Rublev Sebastian Korda, que esta noite jogam o último embate dos ‘quartos’.

Bola Amarela