Gauff arrasa uma desastrada Ostapenko e estreia-se nas ‘meias’ do US Open

Por José Morgado - Setembro 5, 2023

Coco Gauff, de 19 anos, escreveu esta terça-feira mais uma página bonita para a sua ainda curta carreira, ao qualificar-se para as meias-finais do US Open pela primeira vez. É a segunda vez que chega a esta fase da prova num torneio de Grand Slam, depois de ter sido vice-campeã de Roland Garros em 2022, perdendo somente na final com Iga Swiatek.

Num encontro sem história e que foi jogado à hora de maior calor a pedido da norte-americana, Gauff, número seis do Mundo, levou a melhor sobre a letã Jelena Ostapenko, número 21 e campeã de Roland Garros em 2017, por 6-0 e 6-2, em pouco mais de uma hora. A letã, que tinha derrotado de forma categórica a polaca Iga Swiatek, número um do Mundo e campeã em título, na ronda anterior, passou completamente ao lado da ocasião, com uma exibição desastrosa em que disparou 36 erros não forçados em apenas 14 jogos disputados.

Gauff aguarda pela vencedora do encontro da sessão noturna, entre Karolina Muchova e Sorana Cirstea, ambas em estreia nesta fase do US Open.

Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt