Garín dá a volta a dois sets a zero e salva match points rumo aos primeiros ‘quartos’ de um Slam

Por Pedro Gonçalo Pinto - Julho 4, 2022

Quando o sorteio de Wimbledon foi feito, Cristian Garín tinha a hercúlea tarefa de defrontar Matteo Berrettini. A verdade é que a Covid-19 tirou o vice-campeão do torneio e o chileno… já está nos quartos-de-final de um torneio do Grand Slam pela primeira vez na carreira! O número 43 do ranking ATP operou uma reviravolta sensacional, recuperando de uma desvantagem de dois sets a zero e a apagar match points pelo caminho.

O chileno levou a melhor sobre Alex de Minaur (27.º), com os parciais 2-6, 5-7, 7-6(3), 6-4 e 7-6(6), ao longo de duras 4h40, num encontro que o australiano teve na mão mais do que uma vez. Depois de desperdiçar uma vantagem de dois sets a zero, o Demon teve dois match points a 5-4 e 15-40 no serviço de Garín. Certo é que o chileno salvou ambos, com De Minaur a cair e começar a sangrar da mão após o segundo.

Chegado o tie-break, Garín foi mais forte e carimbou o passaporte rumo a uns improváveis quartos-de-final em Wimbledon, especialmente tendo em conta a época que estava a realizar. Mas este resultado já ninguém lhe tira, ele que agora vai ficar à espera de Nick Kyrgios ou Brandon Nakashima.

A Betano tem mais uma grande missão para ti! Faz uma aposta múltipla (3 ou mais seleções) em qualquer jogo de Wimbledon num valor mínimo de 5€ e caso percas a tua aposta recebes 50% do valor da mesma em Aposta Grátis. Ou seja, se apostares 5€, recebes 2,5€; se apostares 20€, recebes 10€.

Se ainda não estás registado, regista-te aqui e ganha um bónus de 50% até 50€ com o teu primeiro depósito!

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.