Zverev volta a ver fantasmas nos Grand Slams: os números terríveis contra jogadores do top 20

Por Bola Amarela - Janeiro 23, 2022

Alexander Zverev chegou ao Australian Open como um dos grandes favoritos e muitos apontavam o alemão ao seu primeiro título do Grand Slam. A questão é que o número três mundial foi derrubado de forma clara nos oitavos-de-final, ao baquear perante uma exibição inspirada de Denis Shapovalov, enquanto ele próprio se mostrou irreconhecível, perdendo em três sets.

Este desaire fez ressurgir os fantasmas de Sascha em torneios do Grand Slam, já que o alemão voltou a desiludir diante de um tenista de topo. Ora, Zverev tem agora quatro vitórias e 15 derrotas nos duelos com membros do top 20 em Majors, um registo manifestamente curto para a ambição do germânico, que podia subir à liderança do ranking ATP se conquistasse o Australian Open.

Essas quatro vitórias foram alcançadas contra Fabio Fognini (Roland Garros’2019), Andrey Rublev (Australian Open’2020), Stan Wawrinka (Australian Open’2020) e Jannik Sinner (US Open’2021). Mas o que se torna ainda mais incompreensível é o facto de exibir um registo bem diferente nas restantes competições. É que Sascha está 4-15 contra o top 20 em Grand Slams, mas 65-51 nos outros níveis. Um problema que precisa de resolver se quiser vencer um Major…

Shapovalov choca Zverev de forma arrasadora para marcar duelo com Nadal nos ‘quartos’

Bola Amarela