Tsitsipas: «Quando cheguei a Melbourne não parava de tossir»

Por José Morgado - Janeiro 19, 2020
tsitsipas

Stefanos Tsitsipas, número seis mundial e campeão do último grande torneio de 2019 — as ATP Finals de Londres — é um dos homens a ter em conta para a edição de 2020 do Australian Open. Semifinalista no ano passado, o grego assegura que não se está a sentir pressionado pelos 720 pontos que tem a defender

“Tenho excelentes memórias de 2019. Ganhei ao Roger Federer e cheguei às meias-finais. Foi memorável. Estou ansioso por este desafio porque encontro-me fisicamente e mal posso esperar para saltar para dentro de court”, confessou em conferência de imprensa antes da competição.

Tsitsipas falou ainda do tema do momento: a (falta de) qualidade do ar. “No primeiro dia em que cheguei aqui foi horrível. Não parava de tossir, passei horas assim. Agora sinto-me melhor, já consigo respirar melhor, mas foi-nos garantido que se a qualidade do ar descer para um nível impossível de respirar, que os encontros param de imediato”, confessou.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.