Tomic revela o momento em que Federer deixou de ser o seu ídolo

Por José Morgado - Dezembro 14, 2020
tomic-federer

Bernard Tomic, australiano de 28 anos que passou pelo top 20 mundial e tem quatro títulos ATP no palmarés, tem sido notícia nas últimas semanas por razões que nada têm a ver com ténis, como por exemplo o facto de participar numa série de vídeos pornográficos do canal Only Fans da sua namorada, Vanessa Sierra. Este fim-de-semana, Tomic participou no ‘podcast’ da norte-americana Vicky Duval e lembrou os tempos em que idolatrou Roger Federer.

“Quando era mais novo tinha ídolos como todos os outros miúdos. Também adorava o Agassi. Mas depois decidi que ia deixar de idolatrar qualquer pessoa a partir de certa altura da minha vida. Aos 13 anos, conheci o Federer. Fiquei louco e quis tirar uma foto com ele. Mas nesse preciso momento ele passou de ser o meu ídolo para deixar de ser”, admitiu o australiano, que não compete desde finais de fevereiro.

Tomic defrontou depois Federer por quatro vezes no início da sua carreira e… perdeu todos os encontros.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.