Thiem tem garantias de que volta em 2021… mas US Open está cada vez mais em risco

Por Pedro Gonçalo Pinto - Agosto 6, 2021
thiem

De dia para dia, as dúvidas crescem em relação à participação de Dominic Thiem no US Open. O austríaco defende o título em Flushing Meadows, mas os prazos começam a apertar cada vez mais, depois de sofrer uma lesão complicada no pulso direito na preparação para Wimbledon. A garantia foi dada pela equipa de Thiem, embora haja uma luz ao fundo do túnel, com a garantia de que o regresso vai mesmo acontecer em 2021.

“Ainda não temos uma data no nosso horizonte porque estamos a seguir mais conselhos médicos. O que é certo é que o Dominic vai voltar aos courts este ano. O processo de cura está a correr como espera. Dominic confiou nos médicos desde o início e vai continuar a seguir os conselhos deles. Sabe que tem de ser paciente”, sustentou Alex Stober, fisioterapeuta de Thiem.

Num artigo publicado pelo jornal austríaco ‘Salzburger Nachrichten’, a lesão de Thiem é comparada à que Rafael Nadal sofreu em 2016. O espanhol ficou parado durante dois meses e meio, sendo que, no início de julho, o austríaco afirmou que a recuperação ia ser muito próxima das datas do US Open.

Pedro Gonçalo Pinto