Swiatek não pára de fazer história para o ténis polaco e junta mais um feito inédito

Por Pedro Gonçalo Pinto - Setembro 9, 2022
swiatek

Iga Swiatek pode ter apenas 21 anos, mas a verdade é que está já a cimentar o seu legado como a melhor tenista polaca de todos os tempos. A líder do ranking WTA tem alcançado recordes uns atrás dos outros, sendo que também já está a fazer história no US Open, ao tornar-se na primeira jogadora do seu país a atingir a final em Flushing Meadows. Agnieszka Radwanska, por exemplo, nunca chegou além dos oitavos-de-final.

A mesma Radwanska foi a única outra polaca na Era Open a jogar a final de um Grand Slam, então no torneio de Wimbledon em 2012, onde perdeu com Serena Williams. Aga foi número dois do Mundo e conquistou 20 títulos, sendo esse um dos poucos departamentos em que ainda se encontra à frente de Iga.

Antes disso, Swiatek já havia festejado o facto de ser a primeira tenista polaca — mulher ou homem — no topo do ranking de singulares, bem como campeã do Grand Slam, por já ter arrebatado dois troféus em Roland Garros. Agora tem os olhos postos no terceiro, com Ons Jabeur pela frente, e com a oportunidade de cimentar ainda mais a sua enorme liderança no topo do ranking mundial.

Isto para não falar de um 2022 absolutamente inacreditável, com 55 vitórias e 7 derrotas e 37 triunfos consecutivos pelo meio. Impressionante.

Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo. Email: pedropinto@bolamarela.pt