Svitolina e a desqualificação de Djokovic: «Foi correta e revela que há igualdade»

Por Tiago Ferraz - Setembro 12, 2020
djokovic-usopen

A tenista ucraniana Elina Svitolina defendeu que a desqualificação de Novak Djokovic na edição de 2020 do US Open foi justa:

“Entendo Novak Djokovic, mas penso que a organização do torneio fez o que era correto para assim demonstrar que há igualdade no mundo do ténis. Já aconteceram casos similares e sempre desqualificaram os tenistas envolvidos. Se não estou enganada, o Denis Shapovalov teve incidente parecido e foi automaticamente desqualificado na Taça Davis. O torneio fez o que devia ter feito”, disse, citada pelo Punto de Break.

Recorde-se que Novak Djokovic foi desqualificado do US Open de 2020 depois de ter acertado com uma bola na garganta de uma juiz de linha.

Svitolina revela ainda quem é que, para si,  vencerá a final feminina deste sábado:

“Creio que a Azarenka vai vencer a Osaka. Ela vem do título em Cincinnati e está a jogar muito bem e a vencer jogadores com grande nome como a Serena”, salientou.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.