Struff nas ‘meias’ de Madrid: «Foi uma grande vitória para mim»

Por José Morgado - Maio 5, 2023
Struff
FOTO: Bruno Alencastro

O alemão Jan Lennard Struff, 65º do ranking ATP, está a viver a melhor semana da carreira, tendo-se apurado para as meias-finais do ATP Masters 1000 de Madrid, para o qual entrou… como lucky loser. Após o encontro em que derrotou Stefanos Tsitsipas, Struff falou sobre o confronto com o russo Aslan Karatsev, 124.º ATP, que também disputará a primeira meia-final de Masters 1000 da carreira. O russo foi o responsável por sua derrota na ronda final do quali em Madrid.

“O Aslan está a jogar de forma incrível esta semana até agora e venceu-me com bastante facilidade nas eliminatórias de qualificação, devo dizer. Não joguei o melhor ténis naquele encontro, mas muito por culpa dele. Acho que precisamos de analisar agora, focar na partida das meias-finais e espero poder fazer melhor”, completou.

Lucky winner! Struff tomba Tsitsipas e estreia-se nas ‘meias’ de um Masters 1000

O alemão também comentou como viu a partida diante de Tsitsipas: “Ele estava a servir tão bem durante toda a partida e foi muito difícil somar pontos. Mas de alguma forma ganhei o primeiro set. Senti que ele foi melhor no primeiro set. Eu saí de muitas situações complicadas. Ele estava com 4-1 de vantagem no tie-break. Achei que joguei um segundo set um set muito, muito bom, mas joguei um jogo mau a 5-5. E no terceiro set voltei a ser agressivo e foi uma grande vitória para mim”, completou.

Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt