Shapovalov sem stress: «Tenistas entram em pânico quando as coisas não saem bem»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Agosto 3, 2022

Denis Shapovalov já foi número 10 do Mundo, mas os maus resultados — e o facto de não ter podido defender pontos em Wimbledon — empurraram-no para fora do top 20. O canadiano está a viver um época pouco positiva, mas nem por isso entra em pânico. Shapovalov tem os olhos postos no futuro.

CONFIANÇA NO TRABALHO

Queres sempre ganhar, mas se as vitórias não chegam, há que confiar que o trabalho vai dar frutos. Ter uma boa equipa à tua volta ajuda-me a focar numa dimensão maior e mantém-te motivado para continuar a trabalhar.

ALTOS E BAIXOS

O ténis é um constante sobe e desce. Há muito poucos jogadores que conseguem ser extremamente consistentes, é a natureza deste desporto. Há que ser paciente, ter uma atitude positiva, continuar a trabalhar e acreditar sempre em ti mesmo.

FOCO NO FUTURO

Os tenistas entram em pânico facilmente quando as coisas não sabem bem como eles esperavam. Tento centrar-me no futuro e não ficar obcecado com o passado. Queres concentrar-te para ver como vais jogar em breve, no que deves melhorar e como avançar com o plano que tens.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.