Nuno Borges e Francisco Cabral caem na final de Barcelona frente aos principais favoritos

Por Bola Amarela - Outubro 9, 2021

Nuno Borges Francisco Cabral estavam a disputar a final de pares de um torneio Challenger pela terceira semana consecutiva, mas os portugueses não conseguiram festejar pela segunda vez em três tentativas. Depois de conquistarem o Braga Open e de se sagrarem vice-campeões do Lisboa Belém Open, Borges e Cabral ficaram pelo último obstáculo no Challenger de Barcelona.

Os portugueses caíram aos pés dos principais favoritos do torneio espanhol: a dupla formada pelo finlandês Harri Heliovaara e pelo checo Roman Jebavy. Borges e Cabral, que já haviam derrotado tanto os segundos como os terceiros pré-designados, não resistiram desta feita e perderam a final com os parciais 6-4 e 6-3.

Nuno e Francisco tiveram a sua grande oportunidade no primeiro set, já depois de anularem um break de desvantagem, quando beneficiaram de dois pontos de break a liderarem por 4-3, mas Heliovaara e Jebavy dispararam para cinco jogos consecutivos e abriram logo a margem também na segunda partida. Aí, o par mais experiente foi controlando e sentenciou o encontro.

Bola Amarela