Nuno Borges: «Costumava ver estes jogadores na TV e agora estou a defrontá-los»

Por José Morgado - Abril 26, 2021

Nuno Borges viveu esta segunda-feira o momento mais especial da sua carreira, ao qualificar-se para a segunda ronda do Millennium Estoril Open na sequência da primeira vitória ATP da sua vida. O maiato de 24 anos derrotou o australiano Jordan Thompson na primeira ronda e no final do encontro tentou colocar em perspetiva aquilo que tem vivido… e sentido.

“Estou muito feliz. Ainda hoje parei para pensar que os costumava ver na tv e agora poder jogar contra eles é fora do normal. Estou muito contente não só por estar a competir, mas também por ter ganho. É muito especial”, começou por confessar em conferência de imprensa, antes de admitir que ainda sente que tudo isto é um sonho. Estou mesmo muito feliz e ainda me custa a acreditar, mas tenho de acreditar porque é aqui que quero estar”.

Borges revela que todos os encontros até ao momento foram distintos e um desafio. “Foram todos desafios diferentes. Senti mais o momento hoje, custou-me mais jogar o meu melhor ténis. Ele causou-me muitos problemas de maneiras diferentes, apesar de não ser um jogador típico de terra batida.”

O maiato projeta o seu próximo encontro, frente ao vencedor do duelo entre Marin Cilic e Carlos Alcaraz. “Não sei como é jogar um ATP com muito público, mas sei como é jogar com público. Ter muita gente a puxar por mim às vezes é intimidante. Não ter tanta gente ajudou-me a manter o foco e não me preocupar tanto.”

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.