Nem assim impediu o adeus: Djokovic é o quinto com mais vitórias seguidas na história da Davis

Por Bola Amarela - Dezembro 3, 2021

Novak Djokovic fez quase tudo o que estava ao seu alcance, mas nem isso foi suficiente para carregar a Sérvia para a final das Davis Cup Finals. O número um do mundo ganhou todos os seus encontros de singulares na fase final, mas caiu no duelo decisivo de pares frente à Croácia, ao lado de Filip Krajinovic, com Nikola Mektic Mate Pavic a mostrarem-se intransponíveis.

No entanto, podemos mesmo dizer que nem uma sequência já histórica impediu este adeus e o falhanço de um grande objetivo de Djokovic. É que Nole tornou-se no quinto jogador com uma maior série de triunfos na história da Taça Davis, uma vez que já vai em 19 vitórias consecutivas em singulares. A última derrota data de 2011, então nas meias-finais, quando desistiu frente a Juan Martín Del Potro numa altura em que estava 7-6 e 3-0 para o argentino.

Desde então, já são 19 triunfos, ficando atrás de apenas outros quatro tenistas. São eles Boris Becker (22 entre 1987 e 1995), Rafael Nadal (29 desde 2004 e ainda no ativo), Björn Borg (33 entre 1974 e 1980) e Marcos Baghdatis (36 entre 2003 e 2016).

Arma letal! Melhor dupla do mundo afasta Djokovic e leva Croácia para a final da Taça Davis

Bola Amarela