Nadal: «Foram 15 dias difíceis e hoje tinha apenas de sobreviver»

Por José Morgado - Fevereiro 9, 2021
nadal-ausopen

Rafael Nadal, de 34 anos, garantiu esta terça-feira o regresso à segunda ronda do Australian Open, na ressaca de dias em que se foi queixando de uma lesão nas costas, que o impediu de disputar a ATP Cup. O maiorquino, número dois do Mundo, assume que era importante vencer em três sets e foi isso que conseguiu.

“Foram 15 dias difíceis para mim por causa das costas e hoje tinha apenas de sobreviver. Desejo ao Laslo a melhor das sortes, ele têm uma história incrível, mas eu estou feliz por vencer em três sets. Era aquilo de que necessitava”, confessou em declarações ainda em court, após o encontro.

O espanhol foi sóbrio na hora de apontar expetativas para o torneio. “Estou aqui para tentar o meu melhor. Vamos dia a dia. Hoje encontrei uma maneira de vencer e vou tentar fazer isso todos os dias. Não foi a preparação ideal, mas ainda estou vivo e feliz por jogar na Austrália de novo.”

Como já aconteceu muitas vezes, Nadal relativizou a importância do ténis no momento que todos enfrentamos enquanto sociedade. “Estamos a enfrentar tempos desafiantes no Mundo. É claro que todos os jogadores precisam do público, da atmosfera, mas agora é tempo de ser responsável, de nos cuidarmos uns aos outros. O ténis é uma parte importante da nossa vida mas estamos a enfrentar coisas bem mais importantes.”

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.