Nadal faz revelação emocionante: «Chorei em casa quando Federer ganhou Roland Garros»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Setembro 27, 2022

Percebeu-se facilmente que Roger Federer Rafael Nadal mantêm uma relação de enorme proximidade nos dias que correm. As lágrimas partilhadas na despedida do suíço deixaram isso bem à vista, mas Rafa revelou agora uma história emocionante de há muito tempo. Já aí se percebia o respeito que havia entre os dois, segundo o que Nadal contou em relação a Roland Garros’2009, a única vez que Federer conquistou esse Grand Slam.

“Naquele momento eu não queria que Federer ganhasse essa final, a verdade é essa (risos). A meio de uma rivalidade, eu tinha hipóteses de ser número um e se ele ganhasse muito provavelmente ia passar-me. Por outro lado, sou uma pessoa que ama o desporto acima de tudo. Já lhe tinha ganho nas finais de 2006, 2007 e 2008 e eu acredito que quando alguém está tão perto de ganhar é porque o merece mesmo”, começou por analisar ao programa El Partidazo da Cope.

E agora é que vem a emoção. “Ele ia fazer o Grand Slam de carreira. Quando o encontro acabou e ganhou o título, fiquei emocionado e chorei em casa. Chorei por ver alguém como Federer, por quem tenho grande apreço e admiração além da rivalidade desportiva, ganhar nesse momento depois de tentar durante tantos anos. Isso fez-me emocionar e chorar. Em termos desportivos era mau para mim ele ter ganho, mas parecia-me justo e tocou-me que tenha fechado o Grand Slam de carreira”, rematou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.