Nadal alcança registo impressionante, foge de Djokovic e já tem recorde de Federer na mira

Por Bola Amarela - Janeiro 9, 2022
nadal-melbourne

Desde que Rafael Nadal chegou a uma final do ATP Tour, podemos dizer que ficou autenticamente viciado no sucesso. O campeoníssimo espanhol não passa sem pelo menos discutir um título em cada temporada desde o longínquo ano de 2004, quando estava a começar a criar a lenda que hoje em dia vive. Contas feitas, são já 19 épocas seguidas sempre com pelo menos uma final, sendo que esse registo de 2022 fica já assegurado com o acesso ao duelo decisivo do ATP 250 de Melbourne.

Desta forma, Nadal, que se prepara para a 126.ª final da carreira, apanha Jimmy Connors no segundo lugar na lista de tenistas com maiores sequências com finais ATP. No topo está um tal Roger Federer, mas com essa liderança cada vez mais ameaçada. É que a série do helvético já não está em vigor (foi entre 2000 e 2019) e ficou nas 20 épocas. Quer isso dizer que Nadal ‘só’ precisa de alcançar finais em 2023 e 2024 para ficar dono e senhor do recorde.

Em jeito de comparação, Gael Monfils surge na quarta posição, depois de garantir a final em Adelaide, aumentando a sua sequência para 18. O francês está até à frente de Novak Djokovic, que vai em 16 épocas consecutivas sempre a disputar pelo menos uma final no ATP Tour.

Bola Amarela