Moya e o regresso de Federer à terra batida: «Ele é tão bom que não vai acusar a ausência de três anos»

Por Nuno Chaves - 18 Fevereiro, 2019

Roger Federer decidiu esta temporada regressar à temporada de terra batida. O tenista suíço, três anos depois vai voltar a jogar no pó-de-tijolo e Carlos Moya, treinador de Rafa Nadal, comentou esta decisão do tenista de 37 anos.

Para o espanhol, Federer não vai ter grandes problemas. “O Roger é tão bom, que não vai ter problemas em voltar a uma superfície que não joga há vários anos. É a superfície que o incomoda um pouco mais, mas já ganhou aí e já demonstrou que se adapta na perfeição”, referiu Moya, em entrevista a um site chileno.

Moya também falou do seu pupilo. “Trabalhamos muito para que seja um jogador muito mais agressivo que há vários anos. Essa foi a minha principal motivação desde que comecei a trabalhar com ele”.

“Não se trata de procurar mais winners ou bater com mais força na bola. Queremos que se posicione melhor, que esteja mais perto da linha de fundo para diminuir a duração dos pontos, que corra menos e que sofra um desgaste menor”, afirmou o antigo número um mundial.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.