Mouratoglou: «Muitas das mudanças que a Halep fez não fui eu que pedi»

Por José Morgado - Setembro 13, 2022

Patrick Mouratoglou começou a trabalhar com Simona Halep em abril e desde então quase tudo mudou na carreira da romena: a empresária, o preparador físico e toda a sua equipa técnica foi trocada, com o francês a ser muitas vezes acusado — especialmente na Roménia — de ser uma má influência para a antiga número um mundial, ainda que os resultados tenham aparecido dentro de campo.

Mouratoglou, antigo treinador de Serena Williams, vem agora defender-se. “Ela está completamente exausta fisicamente, mas especialmente mentalmente. Desde abril, quando começámos a trabalhar, que ela fez muitas mudanças na estrutura e na carreira dela. Muitas das que fez não fui eu que pedi. Segundo me disseram os elementos que já a acompanhavam, ela trabalhou muito mais duro comigo do que alguma vez havia feito. Decidiu dar tudo, 100 por cento”.

Ainda na mesma entrevista à ‘I News’, Mouratoglou lembrou o ataque de pânico em Roland Garros. “Ela sentiu-se mal porque estava demasiado ansiosa. Queria muito ir longe em Roland Garros e sentiu a pressão. Foi muito complicado de gerir.”

Recorde-se que Simona Halep foi operada ao nariz depois do US Open e planeia tentar regressar ao circuito nas próximas semanas. Pelo meio… divorciou-se.

Halep fica parada durante várias semanas depois de ser submetida a operação inesperada

  • Categorias:
  • WTA
José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.