Medvedev frio como sempre: «Nada mudou. US Open foi só um objetivo que alcancei»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Setembro 23, 2021

Por esta altura, Daniil Medvedev prepara-se para entrar em ação na Laver Cup, naquele que será o seu primeiro torneio desde que conquistou o US Open. A falar à imprensa pela primeira vez desde esse título histórico a nível pessoal, o número dois do mundo foi naturalmente questionado sobre se algo mudou. Frio como sempre, relativizou aquilo que aconteceu em Nova Iorque.

“Nada mudou. O US Open foi só um objetivo que alcancei e que não há muitos jogadores que já o tenham conseguido concretizar. É ótimo porque é algo com que sonhava desde pequeno. E ainda sonhei mais depois das duas finais. O que consegui já ninguém me pode tirar, está feito. Essa é a melhor sensação. Agora quero jogar ainda melhor e ganhar mais títulos, sejam Grand Slams, Masters 1000 ou a Laver Cup. É assim que olho para as coisas”, apontou.

De facto, o próximo certame no qual vai lutar é a Laver Cup, uma estreia para ele. “Estou entusiasmado. Normalmente, este torneio coincidia com São Petersburgo e eu jogava sempre lá, mas desta vez não tive hipótese e tive de vir a jogar. Queria ver como era. Todos os que já jogaram dizem que é muito divertido e competitivo”, apontou Medvedev, que também falou sobre o novo look. “Durante as minhas férias pensei que tinha o cabelo muito grande e então cortei. Não é um novo look, é só o cabelo mais curto…”, desvalorizou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.