Korda: «Vai ser muito difícil derrotar Alcaraz nos próximos anos…»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Abril 13, 2022

Sebastian Korda mostrou que também é um jovem mesmo a ter em conta para o futuro do ténis mundial. O norte-americano, de 21 anos, levou a melhor no duelo com Carlos Alcaraz para se apurar para os oitavos-de-final do Masters 1000 de Monte-Carlo, mas acredita que vai ser muito complicado repetir este feito nos próximos tempos.

“Alcaraz consegue fazer tudo. É rápido, tem um grande serviço, uma grande direita, uma grande esquerda, voleia bem. Não há nada que não saiba fazer, de facto. É muito forte mental e fisicamente. É um adversário muito duro e vai ser muito difícil derrotá-lo nos próximos anos… Espero que voltemos a jogar muito a um bom nível”, apontou.

Korda, que agora vai medir forças com Marin Cilic, falou ainda sobre a razão de se sentir tão confortável em terra batida, algo pouco comum em tenistas norte-americanos. “Sinto-me muito bem. Cresci nesta superfície, na terra verde da Flórida e um pouco na terra tradicional quando íamos à República Checa. Sei como jogar em terra e movo-me bastante bem nesta superfície. Gosto de pensar que posso jogar bem em todas elas. Tenho um ténis mais de hard court, mas gosto de jogar em terra”, admitiu.

Korda lida melhor com o vento e elimina Alcaraz em Monte Carlo

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.