Humbert: «Foi completamente de loucos, não tenho energia»

Por José Morgado - Novembro 4, 2020
humbert-paris-r2

Ugo Humbert, de apenas 22 anos, é um dos jogadores do momento, não apenas no ténis francês, mas no panorama global da modalidade nesta fase de 2020. Depois de conquistar em Antuérpia o seu segundo título de 2020 e da carreira, o gaulês já está nos oitavos-de-final do Masters 1000 de Paris depois de duas grandes vitórias seladas no tie-break do terceiro set diante de Casper Ruud e Stefanos Tsitsipas. Diante do grego, foram necessárias 3h17, que o deixaram eufórico… mas exausto.

“Estou super contente. Foi completamente de loucos. Estava muito casado, foi um encontro fantástico dos dois e é incrível. Não tenho qualquer energia. Tinha tido uma manhã difícil depois de um encontro duro na segunda-feira e estou muito orgulhoso da forma como me aguentei”, confessou no final do encontro.

Humbert, que vai defrontar Marin Cilic nos ‘oitavos’, admite que não foi fácil fechar, mas ficou feliz pela forma como se aguentou mentalmente. “Enervei-me no final do segundo set, tive três match points e foi difícil perder aquele set. No terceiro set tive cãibras mas aguentei-me mentalmente e é por isso que estou tão orgulhoso. “

https:\/\/bolamarela.pt//bolamarela.pt//twitter.com/RolexPMasters/status/1323750011151261705

Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt