Holger Rune, de 17 anos, impressiona mas perde na estreia ATP após liderar 6-2 e 2-0

Por José Morgado - Março 2, 2021
rune

Holger Rune, miúdo dinamarquês de apenas 17 anos que terminou as duas últimas temporadas no topo do ranking mundial de juniores, não andou longe de aproveitar esta terça-feira da melhor forma o wild card que lhe foi oferecido pela organização do Argentina Open, ATP 250 disputado em Buenos Aires, mas acabou derrotado no primeiro encontro da sua carreira em quadros principais de torneios ATP.

O jovem nórdico, treinado em Copenhaga por um português, José Pedro Silva (diretor técnico júnior da Federação dinamarquesa), e ainda por Lars Christensen e pela academia de Mouratoglou, liderou por 6-2 e 2-0, mas perdeu diante do espanhol Albert Ramos, 46.º ATP e vice-campeão em Córdoba, na semana passada, por 2-6, 6-4 e 6-3, numa batalha de quase duas horas.

Ramos vai defrontar na segunda ronda o alemão Dominik Koepfer, parceiro de pares de João Sousa, já esta quarta-feira.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.