Hewitt sobre a exibição de Nadal com Djokovic: «Foi uma sombra de si mesmo»

Por Nuno Chaves - Janeiro 31, 2019
Tennis – Australian Open – Quarter-final – Melbourne Park, Melbourne, Australia, January 22, 2019. Spain’s Rafael Nadal in action during the match against Frances Tiafoe of the U.S. REUTERS/Aly Song – UP1EF1M0VVKL6

A final do Open da Austrália continua a ser um dos temas em maior destaque nesta semana. Lleyton Hewitt foi mais uma das figuras a falar deste tema e confessou-se surpreendido com a falta de capacidade de Rafa Nadal em contrariar o rival Novak Djokovic.

“Ele foi uma sombra dele mesmo e penso que o Novak percebeu isso. Foi então quando começou a pressionar forte. Nunca vi o Rafa assim [falhar tantas direitas]. Vemos ocasionalmente, se o vento estiver forte mas na Rod Laver Arena existem boas condições para jogar”, confessou o australiano, em declarações ao Channel Nine.

Sobre a tática de Djokovic, Hewitt também se mostrou surpreendido. “É pouco comum: não são muitas as pessoas que jogam para a direita do Nadal mas o Djokovic bateu tão forte na bola para essa zona que lhe tirou tempo”.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.