Vajda: «Djokovic ainda está longe dos 20 títulos do Grand Slam do Federer»

Por Nuno Chaves - Janeiro 31, 2019
Tennis – Australian Open – Semi-final – Melbourne Park, Melbourne, Australia, January 25, 2019. Serbia’s Novak Djokovic reacts during the match against France’s Lucas Pouille. REUTERS/Lucy Nicholson – UP1EF1P0T2V4W

Com a vitória de Novak Djokovic no Open da Austrália, o sérvio conquistou o seu 15.º Grand Slam da carreira. Há quem já coloque a fasquia no recorde de Roger Federer (20 Majors) mas Marian Vajda não quer ainda pensar nessa hipótese.

“Ele atingiu um número incrível. Não quero ir muito longe mas ele está em grande posição para tentar ir um pouco mais longe mas ainda está longe dos 20 do Federer. Pode acontecer muita coisa”, revelou o técnico do atual número um mundial.

Vajda confessou o objetivo de Djokovic, para já, no que diz respeito a Grand Slams. “O Novak sente-se muito bem para tentar vencer outro Grand Slam. Um de cada vez. O seu objetivo a longo prazo é alcançar o número do Nadal. Se for possível e a idade permitir, tenta o recorde do Roger”, afirmou numa entrevista à Fox Sports.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.