Halep: «Fiquei preocupada com os pulmões quando apanhei Covid-19»

Por Bola Amarela - Janeiro 8, 2021
halep-rolandgarros

Simona Halep foi uma das jogadoras que não conseguiram ‘fugir’ à Covid-19. A 2.ª classificada do ranking WTA abriu o livro sobre como foi a luta com a doença provocada pelo novo coronavírus e confessou que teve muito receio na altura. No entanto, agora está recuperada, agradecida pelo facto de o ténis ter voltado ainda no ano passado e a preparar-se para o ataque ao Australian Open.

“Felizmente não fiquei muito doente mas, como atleta profissional, fiquei preocupada por causa dos meus pulmões. Fizemos muitos exames e os resultados foram ótimos”, disse a romena, de 29 anos, em entrevista à ‘Reuters’. “Trabalhei muito na minha condição física. Tenho de ter mais cuidado do que nunca com o meu corpo, então fiz muito trabalho de força, de velocidade e a partir de dezembro aumentámos o ritmo no court. Foram muitos exercícios agora ando a jogar sets com outras raparigas romenas a preparar-me para os primeiros encontros na Austrália”acrescentou.

Mas nem só do lado físico se faz uma jogadora e, por isso, Halep garante estar pronta para lidar com a quarentena obrigatória na Austrália, antes de arrancar a participação no primeiro Grand Slam da temporada.

“Sei que vai ser difícil mentalmente, mas sinto que a minha experiência em bolhas em 2020 vai ajudar-me a saber um pouco melhor o que esperar. Também estou menos preocupada porque sei que têm a Covid-19 debaixo de controlo na Austrália, por isso, quando sairmos da quarentena estamos livres!”, rematou a tenista romena, vencedora de dois títulos do Grand Slam na carreira.

  • Categorias:
  • WTA
Bola Amarela