Haas: «Federer, Nadal e Djokovic deviam acabar todos com 20 Grand Slams»

Por Tiago Ferraz - Março 16, 2020
tommy-haas

O antigo número dois mundial Tommy Haas deu uma entrevista ao diário espanhol Marca onde falu sobre os tenistas que compõem o Big 3 e sobre as hipóteses que cada um tem de voltar a vencer  torneios do Grand Slam.

O antigo tenista é da opinião de que todos deveria acabar com o mesmo número de Grand Slams:

«Será interessante perceber quem terminará a carreira com mais torneios do Grand Slam. Muitos dizem que a questão será decidida entre Nadal e Djokovic uma vez que o Rafa é o grande favorito para Roland Garros e além disso está sempre a lutar pelo US Open e pelo Open da Austrália. Djokovic é imprevisível ainda que seja o mais jovem dos três. Federer é o que tem a tarefa mais complicada para voltar a ganhar, mas terá a sua oportunidade em Wimbledon», disse.

Tommy Haas manifestou ainda o desejo para o futuro no que diz respeito aos Grand Slam:

«Gostava que os três (Nadal, Djokovic e Federer) acabassem com 20 títulos cada um», rematou.

Tiago Ferraz