Frederico Silva salva três match points e bate a maior esperança do ténis britânico

Por José Morgado - Novembro 2, 2020
Silva

Frederico Silva, a ocupar esta semana o 203.º posto do ranking ATP, alcançou esta segunda-feira uma excelente vitória para se qualificar para a segunda ronda do Challenger de Parma, em Itália, prova que está a ser disputada em indoor hardcourt… muito rápido.

Num encontro totalmente dominado pelos serviços (apenas dois breaks e ambos para Frederico Silva), o tenista das Caldas da Rainha, de 25 anos, derrotou o jovem britânico Jack Draper, de 18 anos e antigo finalista de Wimbledon juniores (quando só tinha 16, em 2018) por 6-7(4), 6-4 e 7-5, em 2h20, depois de ter conseguido salvar três match points consecutivos quando serviu a 0-40 no 4-5 do terceiro set. Esses foram, de resto, os únicos três break points que Frederico enfrentou em toda a partida.

Depois de bater o jovem britânico com mais potencial da atualidade, Silva tem encontro marcado na segunda ronda com o francês Constant Lestiénne, número 231 mundial.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.