Frederico Silva ressente-se de lesão e desiste na primeira ronda em Segóvia

Por Bola Amarela - Julho 27, 2021
frederico-silva

A vida continua difícil para Frederico Silva. O português, número 179 do ranking ATP, não conseguiu evitar a desistência na primeira ronda do Challenger de Segóvia, em Espanha, logo depois de perder um primeiro set muito duro diante do jovem checo Dalibor Svrcina (519.º ATP e antigo top 10 mundial de juniores). O caldense tem estado muito limitado devido a uma lesão no pé direito esta temporada e voltou a ressentir-se desse problema.

Svrcina precisou de 54 minutos para fechar a primeira partida com 6-4 no marcador, sendo que Frederico Silva chegou a liderar com break de vantagem em duas ocasiões. A questão é que o português cedeu o contra break em ambas as ocasiões, antes de aguentar um jogo de serviço com… 14 (!) vantagens nulas! Todo esse esforço acabou por sair caro ao português, que foi quebrado a 4-4 e, mesmo com duas oportunidades para fazer o 5-5, perdeu o set antes de desistir.

Desta forma, a participação portuguesa no Challenger de Segóvia fica nas mãos de Gonçalo Oliveira, que defronta o espanhol Alejandro Moro Canas, recém-coroado campeão em Idanha-a-Nova.

Bola Amarela