Frederico Marques: «Na semana passada o João voltou a sentir que pode bater-se com qualquer um»

Por José Morgado - Março 26, 2021
sousa-marques

Frederico Marques, treinador de João Sousa, mostrou-se muito contente com o regresso do número um nacional aos triunfos em quadros principais de torneios ATP — 18 meses depois — e revelou que esta já estava a ser uma semana de grande qualidade… mesmo antes de entrar em court.

“Está a ser uma semana realmente completa para o João e que estava a ser positiva antes de entrar para o encontro. A semana já nos tinha dado mais do que a sensação de ter metido no saco muitos pontos ATP. Mas obviamente que com esta vitória ainda fortalece mais e como vocês nos conhecem, queremos ainda mais e o torneio acaba de começar. Lutaremos por mais, mas em termos gerais já tínhamos ganho o importante antes de entrar.  O João viu e sentiu que as dores já não estavam presentes, que a sua velocidade de pernas continua a bom nível e que pode lutar de igual para igual nestes torneios com os melhores do mundo. Voltou a sentir se competitivo e a canalizar a energia para o local correto”, confessou-nos horas depois do triunfo na primeira ronda do ATP Masters 1000 de Miami.

Marques contou que a chave do regresso aos triunfos de Sousa esteve na boa semana de treinos realizada antes da prova. “Realizamos uma grande semana de treinos onde o João se foi encontrando consigo próprio e com o seu ténis. As sensações nas pancadas foram melhores, a dinâmica e alegria dentro e fora do campo apareceu. Foi encontrando aos poucos a energia que o tão bem caracterizou ao longo dos anos e tal energia é chave para poder estar competitivo a este nível. A confiança ganha-se nos treinos e esse trabalho foi assimilado entre Acapulco e Miami.  Isso foi possibilitando que os níveis de ansiedade baixasseem e em consequência a velocidade de pernas do João aumentasse assim como a concentração e visão de jogo”.

Marques insiste que uma derrota não apagaria a sensação de que o seu jogador está num bom caminho mas dá os parabéns ao vimaranense pelo triunfo. “Podemos perder ou ganhar, mas com esta energia e dinâmica nos golpes fica-se mais próximo sempre da vitória. O João está de parabéns. Deveremos aprender com os erros, com os momentos menos bons e querer sempre mais. Agora é momento de desfrutar nas próximas horas porque a este nível não existem dias fáceis pela frente”

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.