Fernandez continua a chocar o mundo rumo à final do US Open

Por José Morgado - Setembro 10, 2021

Leylah Annie Fernandez, jovem canadiana de recém-cumpridos 19 anos, fez história esta quinta-feira, ao tornar-se na mais jovem finalista do US Open desde Martina Hingis e Serena Williams, em 1999, e na mais jovem em torneios de Grand Slam desde Maria Sharapova, em Wimbledon 2004. E esse registo até pode ser superado daqui a umas horas… por Emma Raducanu.

Depois de superar nomes como Naomi Osaka, Angelique Kerber e Elina Svitolina nas três rondas anteriores, Fernandez eliminou desta feita nada mais, nada menos do que a número dois mundial, a bielorrussa Aryna Sabalenka, por 7-6(3), 4-6 e 6-4, num encontro fabuloso, que se prolongou por 2h25 e que entusiasmou, naturalmente, o público presente nas bancadas do Arthur Ashe Stadium, que apoiaram maioritariamente a jovem da América do Norte.

Na inesperada final do US Open, Fernandez vai defrontar a vencedora do encontro entre a britânica Emma Raducanu, que veio do qualifying e tem 18 anos, e a grega Maria Sakkari, ambas também em busca da primeira final de Grand Slam.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.