Fedal começou há 18 anos! O início da rivalidade histórica entre os monstros Federer e Nadal

Por Pedro Gonçalo Pinto - Março 28, 2022

28 de março de 2004. Em plena sessão noturna no Masters 1000 de Miami, algo histórico estava prestes a acontecer, mas nem quem estava presente tinha certamente a noção da magnitude daquilo que ia começar. Estamos a falar do primeiro duelo de sempre entre Roger Federer Rafael Nadal, então um encontro da terceira ronda entre o suíço, número um do Mundo aos 22 anos, e o espanhol, um miúdo de 17 anos que já ocupava o 34.º posto da hierarquia mundial masculina. Foi o primeiro Fedal entre os 40 que já se viveram na história do ténis.

Esse duelo durou apenas 1h10, com o tal miúdo a surpreender com um triunfo por 6-3 e 6-3. 22 anos mais tarde, o histórico de confrontos apresenta uma vantagem precisamente para Nadal, que venceu 24 encontros, ao passo que Federer arrebatou 16. Fazendo um raio-x a este ‘head to head’ entre dois monstros do ténis, ainda se torna mais impressionante o facto de se terem defrontado por 24 vezes em finais: 13 para Rafa e 11 para Roger.

Lembra-se de todos os encontros em que Nadal e Federer mediram forças? Aqui deixamos a lista para lembrar estes momentos históricos.

As 40 edições do filme Fedal

1 – Miami – terceira ronda (2004) – 6-3 e 6-3 – Nadal
2 – Miami – final (2004) – 2-6, 6-7(4), 7-6(5), 6-3 e 6-1 – Federer
3 – Roland Garros – meias-finais (2005) – 6-3, 4-6, 6-4 e 6-3 – Nadal
4 – Dubai – final (2006) – 2-6, 6-4 e 6-4 – Nadal
5 – Monte-Carlo – final (2006) – 6-2, 6-7(2), 6-3 e 7-6(5) – Nadal
6 – Roma – final (2006) – 6-7(0), 7-6(5), 6-4, 2-6 e 7-6(5) – Nadal
7 – Roland Garros – final (2006) – 1-6, 6-1, 6-4 e 7-6(4) – Nadal
8 – Wimbledon – final (2006) – 6-0, 7-6(5), 6-7(2) e 6-3 – Federer
9 – Masters Cup – meias-finais (2006) – 6-4 e 7-5 – Federer
10 – Monte- Carlo – final (2007) – 6-4 e 6-4 – Nadal
11 – Hamburgo – final (2007) – 2-6, 6-2 e 6-0 – Federer
12 – Roland Garros – final (2007) – 6-3, 4-6, 6-3 e 6-4 – Nadal
13 – Wimbledon – final (2007) – 7-6(7), 4-6, 7-6(3), 2-6 e 6-2 – Federer
14 – Masters Cup – meias-finais (2007) – 6-4 e 6-1 – Federer
15 – Monte-Carlo – final (2008) – 7-5 e 7-5 – Nadal
16 – Hamburgo – final (2008) – 7-5, 6-7(3) e 6-3 – Nadal
17 – Roland Garros – final (2008) – 6-1, 6-3 e 6-0 – Nadal
18 – Wimbledon – final (2008) – 6-4, 6-4, 6-7(5), 6-7(8) e 9-7 – Nadal
19 – Australian Open – final (2009) – 7-5, 3-6, 7-6(3), 3-6 e 6-2 – Nadal
20 – Madrid – final (2009) – 6-4 e 6-4 – Federer
21 – Madrid – final (2010) – 6-4 e 7-6(1) – Nadal
22 – ATP Finals – final (2010) – 6-3, 3-6 e 6-1 – Federer
23 – Miami  – meias-finais (2011) – 6-3 e 6-2 – Nadal
24 – Madrid – meias-finais (2011) – 5-7, 6-1 e 6-3 – Nadal
25 – Roland Garros – final (2011) – 7-5, 7-6(3), 5-7 e 6-1 – Nadal
26 – ATP Finals – fase de grupos (2011) – 6-3 e 6-0 – Federer
27 – Australian Open – meias-finais (2012) – 6-7(5), 6-2, 7-6(5) e 6-4 – Nadal
28 – Indian Wells – meias-finais (2012) – 6-3 e 6-4 – Federer
29 – Indian Wells – quartos-de-final (2013) – 6-4 e 6-2 – Nadal
30 – Roma – final (2013) – 6-1 e 6-3 – Nadal
31 – Cincinnati – quartos-de-final (2013) – 5-7, 6-4 e 6-3 – Nadal
32 – ATP Finals – meias-finais (2013) – 7-5 e 6-3 – Nadal
33 – Australian Open – meias-finais (2014) – 7-6(4), 6-3 e 6-3 – Nadal
34 – Basileia – final (2015) – 6-3, 5-7 e 6-3 – Federer
35 – Australian Open – final (2017) – 6-4, 3-6, 6-1, 3-6 e 6-3 – Federer
36 – Indian Wells – oitavos-de-final (2017) – 6-2 e 6-3 – Federer
37 – Miami – final (2017) – 6-3 e 6-4 – Federer
38 – Xangai – final (2017) – 6-4 e 6-3 – Federer
39 – Roland Garros – meias-finais (2019) – 6-3, 6-4 e 6-2 – Nadal
40 – Wimbledon – meias-finais (2019) – 7-6(3), 1-6, 6-3 e 6-4 – Federer

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.