Ex-prodígio chinês faz história para o seu país no US Open

Por José Morgado - Agosto 29, 2022

Yibing Wu, jovem chinês de 22 anos que chegou a ser líder mundial de juniores e vencedor do US Open nesse escalão em 2017, fez história esta segunda-feira para a China, ao tornar-se no primeiro tenista do seu país a vencer um encontro em singulares masculinos no US Open — e igualmente no primeiro a fazê-lo em qualquer torneio de Grand Slam na Era Open.

Wu, que tem feito grandes resultados nos Challengers este ano, passou o qualifying na semana passada e ocupa atualmente o 174.º posto do ranking mundial, alcançou tal feito às custas do georgiano Nikoloz Basilashvili, 31.º cabeça-de-série, que derrotou em apenas 92 minutos, por 6-3, 6-4 e 6-0.

Agora, na segunda ronda, Wu até poder cruzar-se com um português, caso Nuno Borges consiga ultrapassar Ben Shelton na eliminatória inaugural.

Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7. Email: josemorgado@bolamarela.pt