Djokovic e o duelo com Edmund: «Tem um grande serviço e não tem muito a perder»

Por Tiago Ferraz - Setembro 1, 2020
djokovic-us-open

O tenista sérvio Novak Djokovic está na segunda ronda do US Open depois de ter deixado para trás o bósnio Damir Dzumhur na primeira ronda da prova.

O tenista sérvio projetou já o encontro com o britânico Kyle Edmund:

“Ele tem um grande serviço e uma grande direita, essa são as duas grandes armas dele. Eu tive alguns encontros contra ele no passado, Wimbledon etc. Ele não sente muita pressão ao jogar nos grandes courts. Ele gosta de desafios e eu tenho um respeito enorme por ele. É um grande tenista e está muito tempo a trabalhar apra aperfeiçoar o seu jogo” revela, citado pelo Punto de Break.

O tenista sérvio Novak Djokovic falou ainda da ausência de público:

“Bem, a intensidade esteve lá incondicionalmente. Eu cheguei e joguei muito bem no primeiro set. No segundo set eu perdi o foco, fiquei stressado algumas vezes e até gritei. Claro que ao olhar para um estádio vazio percebemos que é diferente. Eu conseguiu levar muita intensidade e energia. Por vezes posso não ter as melhores reações, mas eu tento equilibrar as emoções”, disse.

Novak Djokovic joga esta quarta-feira com o britânico Kyle Edmund no acesso à terceira ronda do US Open.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.