Djokovic e o caso Peng: «Apoio a 100% que a WTA corte relações com a China»

Por Nuno Chaves - Novembro 20, 2021

O desaparecimento de Shuai Peng está a chocar o mundo e, à medida que o tempo passa, as questões são maiores e as respostas… não existem.

Quem reagiu a este caso foi Novak Djokovic e o sérvio apoiou a decisão da WTA em ponderar não competir mais na China. “O único que desejo é que conheçamos em primeira mão que ela está bem, saudável e salva. Oxalá evitemos o pior e que a situação se resolva o quanto antes. O que quero deixar claro é que apoio totalmente a postura tomada pela WTA”, afirmou em conferência de imprensa.

“Toda a comunidade do ténis deve estar unida, creio que não seria lógico continuarmos a competir na China enquanto isto não estivesse resolvido. É espantoso o que se está a passar e apoio a 100% que o ténis corte qualquer relação com a China até que tudo fique mais claro”, concluiu.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.