Djokovic cada vez mais perto de recorde de Federer em Grand Slams

Por Pedro Gonçalo Pinto - Janeiro 25, 2023
djokovic

Novak Djokovic está mais uma vez nas meias-finais do Australian Open. É a décima vez que o faz em Melbourne Park, mas a 44.ª em torneios do Grand Slam. Para lá chegar, arrasou Andrey Rublev sem dó nem piedade, sendo que agora se prepara para medir forças com Tommy Paul. Certo é que ficou um pouco mais perto de um recorde que ainda persegue no que diz respeito a Majors.

É que as 44 meias-finais de Djokovic colocam-no em segundo lugar na lista histórica, atrás das 46 de Roger Federer, que se vai mantendo no topo. Já Rafael Nadal falhou, neste Australian Open, a sua 39.ª, pelo que vê o sérvio afastar-se um pouco mais neste departamento. Bem mais atrás surgem os já retirados Jimmy Connors (31) e Ivan Lendl (28).

TOP 5 DE MEIAS-FINAIS EM GRAND SLAMS

1 – Roger Federer – 46
2 – Novak Djokovic – 44
3 – Rafael Nadal – 38
4 – Jimmy Connors – 31
5 – Ivan Lendl – 28

Djokovic ativa God Mode e arrasa Rublev rumo às ‘meias’ do Australian Open

Se avançarmos para a lista de quem tem mais finais de torneios do Grand Slam, então aí a vantagem já é de Djokovic, que conta com 32 na sua carreira. Pode, isso sim, alargar a vantagem, tendo em conta que só tem mais uma do que Federer e mais duas do que Nadal. Já Tommy Paul procura a primeira da carreira aos 25 anos.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.