Carreño-Busta: «Conheço tenistas que estão a viver do dinheiro dos pais»

Por Tiago Ferraz - Abril 10, 2020
Carreño-Busta

O tenista espanhol Pablo Carreno-Busta deu uma entrevista à ESPN onde falou da atual situação no circuito provocada pelo coronavírus.

«Eu, atualmente, não tenho problemas de dinheiro porque consegui ganhar o suficiente, mas conheço tenistas que estão a viver do dinheiro dos pais. Não podemos trabalhar neste momento e, por isso, os rendimentos são zero e os gastos continuam a chegar. Hipotecas, pagar a preparadores físicos e equipa técnica, a academia onde treino…Está a ser muito complicado», revela, citado pelo Punto de Break.

Carreno-Busta fala da situação de colegas de profissão que, em alguns casos, é bem pior do que a dele:

«Vivemos numa sociedade onde se vê os desportistas como grandes privilegiados, com casas grandes e de luxo, mas também há outros tenistas que não têm as mesmas possibilidades e que não recebem dinheiro que estão muito mal», disse.

O tenista espanhol falou ainda do futuro do ténis e não está otimista para o que resta desta temporada:

«Esperamos que esta situação se mantenha o menor tempo possível porque recuperar logo o nível a que estávamos vai ser muito complicado. Atualmente não temos ténis até 13 de julho, mas penso que o prazo vai ser alargado. Era bom que descobrissem uma vacina para que o circuito ainda possa funcionar este ano, mas acho que não vai poder jogar-se», concluiu.

 

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.