Carlos Moya: «Nadal pode ganhar uns 24 ou 25 Grand Slams»

Por José Morgado - Fevereiro 14, 2022

Carlos Moya, antigo número um do Mundo e atual treinador de Rafael Nadal, acredita que o seu jogador pode continuar a vencer grandes títulos, na ressaca do seu 21.º título de Grand Slam no Australian Open. O ex-tenista espanhol assegura no entanto que não será nenhum falhanço se Rafa acabar a sua carreira com esse impressionante número de troféus.

“21 títulos de Grand Slam? Se pensarmos sobre isso friamente, é impressionante. O que posso garantir é que na Austrália nunca falámos sobre o 21.º, embora estivesse no horizonte e soubéssemos que podia acontecer. Falar sobre isso significaria mais pressão do que já tínhamos. Não alimentamos esse debate, deixamos para a imprensa e para os fãs. O Rafa está feliz com o que tem, ficará igualmente feliz se terminar com 21 e Djokovic com 25. Não é bom ficar obcecado; sim se motivar obviamente, ele não vai abrir mão do 22, se surgir a oportunidade ele vai lutar por ele, mas é um debate que, com todos eles ainda ativos, não faz muito sentido. Mas claro que eu acredito que ele pode ganhar 24 ou 25″, disparou em entrevista ao site ‘Punto de Break’.

Moya deixou ainda mais palavras de admiração para o seu jogador. Quase tudo já foi dito, não dá para deixar de admirar tudo o que Rafa está a alcançar e conquistar. A vitória em Melbourne é impressionante, mas a forma também é impressionante, como ele supera as adversidades, como muda taticamente durante o jogo, derrotando fisicamente um dos jogadores mais aptos do circuito, alguém que é dez anos mais novo que ele. É um resultado para se orgulhar, embora também haja coisas que podem ser melhoradas, a perfeição não existe. Dadas as circunstâncias com as quais chegamos ao torneio um mês antes, tanto a atitude quanto o nível foram espetaculares”.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.