Berrettini sem medos: «Sei que posso ganhar ao Nadal»

Por Nuno Chaves - Janeiro 26, 2022
Foto: EPA

Matteo Berrettini qualificou-se para as meias-finais do Australian Open após uma enorme batalha frente a Gael Monfils e agora segue-se… Rafa Nadal.

O italiano sabe bem o que vai ter pela frente, até porque defrontou o espanhol nas meias-finais do US Open de 2019, ainda assim, as coisas agora prometem ser diferentes. Pelo menos segundo o número sete mundial.

“Vai ser uma grande oportunidade para mim. Depois de dois anos e meio, vou jogar contra alguém que não precisa de apresentação. Vi jogá-lo tantas vezes neste torneio e em outros, a apoiá-lo, que jogar contra ele nas meias-finais, na Rod Laver Arena, é algo com que sonhava quando era pequeno”, admitiu em conferência de imprensa.

“Agora quero realmente ganhar este encontro. Sei que posso ganhar ao Nadal. Vai ser muito complicado mas estou nas meias-finais de um Grand Slam pela terceira vez e isso significa que tenho nível para estar aqui. Quero chegar mais longe”, referiu.

E por falar nas terceiras meias-finais em Grand Slams, Berrettini tornou-se no segundo italiano com mais presenças nesta fase de um Major. Mas ele quer mais. “Fico orgulhoso. Creio que não está mal em dizer que, de certo modo, estou a escrever uma pequena parte da história do ténis italiano. Somos um grande país neste desporto. No passado tivemos grandes campeões e para mim é uma honra entrar em court e ter a oportunidade de criar este tipo de histórias”, concluiu.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.